Publicado por:

Conductel

Data:

9 de setembro de 2020

Tempo de leitura:

4min

QUAL O MODELO DE RACK MAIS ADEQUADO PARA SUA REDE ?

Os racks, popularmente chamados de gabinetes ou armários de telecom são estruturas metálicas que permitem acondicionar os equipamentos ativos de redes (Switches, Roteadores, Storages), equipamentos de telecomunicações (Central de telefonia, terminais), equipamentos de energia (Nobreaks, estabilizadores) e acessórios (Réguas de tomada, Organizadores de cabos).

Existem vários modelos de racks, tamanhos e cada variação vai se adequar a determinadas aplicações.

Para entendê-las segue abaixo algumas questões relacionados ao seu uso.

Qual a metragem do ambiente onde o rack será instalado?

Esta é a principal informação para o bom dimensionamento de racks. Imagine que você precise de um rack de 1,5 metros de profundidade para a sua empresa, mas o CPD onde vai colocar seus equipamentos não tem essa metragem acessível.

Então, a solução encontrada seria comprar um rack de 80 centímetros.

Mas qual a Consequência?

Se você tem um rack de 80 centímetros mas o servidor é de 70 centímetros, por exemplo, vai ficar muito apertada sua instalação. Deve-se ter em mente ao comprar um rack que os seus equipamentos (a exemplo do servidor) não devem ficar justos na medida, pois precisam de um

espaço mínimo para possíveis manutenções destes equipamentos, além de que, racks de tamanhos mal dimensionados, podem causar apertos de cabos e até comprometer a circulação de ar.

Outra dica importante na hora de escolher um rack é de observar não só os equipamentos que serão instalados no momento, mas também é necessário prever o crescimento da empresa em um ou dois anos (escalabilidade). Só assim se poderá escolher um rack que certamente atenderá suas necessidades.

O ambiente onde irá instalar o rack possui boa refrigeração (ar-condicionado)?

Devemos nos atentar a este detalhe na escolha do rack ideal para o CPD, uma vez que, existem modelos de racks abertos e o utros fechados.

Os racks abertos (geralmente chamados de racks coluna)

São racks que facilitam a manutenção e a refrigeração dos componentes, ocupam menos espaço no CPD e permitem uma maior adequação do ambiente. Todavia, são racks que não oferecem proteção aos equipamentos sendo necessário um rigoroso controle de acesso ao CPD

para que pessoas não autorizadas permaneçam distante dos seus equipamentos. Para isso é importante conhecermos as dicas de segurança para um CPD.

Os racks fechados

Pela sugestão do próprio nome deste modelo, o rack fechado aparenta uma estrutura de armário onde a segurança dos equipamentos se torna prioridade tendo uma menor necessidade de acesso controlado ao CPD por dispor de portas com chaves em sua estrutura. No entanto, para este rack é necessário uma maior instalação de ar-condicionado, além do uso de kit-ventiladores (acessórios de refrigeração interna do rack).

Este rack faz parte de uma solução para servidores em projetos de alta concentração de cabos. Desenvolvido com Guia Cabo deslocado para facilitar acomodação e manutenção.

Rack para parede

Não podemos esquecer dos racks para pequenas aplicações. Neste cenário contamos com racks do tipo parede, ou seja são fixados nas paredes do CPD ou até mesmo em pequenos espaços de escritório, salas de telecomunicações e afins.

Indicado para instalações de equipamentos em altura ou paredes;

CONDUCTEL – A SOLUÇÃO COMPLETA PARA SUA EMPRESA

Infraestrutura de Redes, Elétrica, Civil – Venda de Equipamentos

0
Compartilhar: